Páginas

quarta-feira, 29 de julho de 2015

POLÍCIA FEDERAL

POLÍCIA FEDERAL FAZ DILIGÊNCIA DE ROTINA NA CIDADE DE URUARÁ

A Polícia Federal (PF) está em Uruará desde o início desta semana realizando diligências cartorárias, quando a PF faz apenas oitivas de algumas pessoas de casos antigos que faltam ser ouvidas, de acordo informou o Delegado Vicente que comanda a equipe que se encontra na cidade, não havendo fatos relevantes na presente atuação da PF no município.

“A Delegacia de Polícia Federal em Altamira/ PA vem por meio desta informar que estamos com uma equipe sim em Uruará, mas só para cumprir diligências rotineiras. Não há nenhuma operação em andamento”, informou nota enviada ao departamento de jornalismo da Regional FM pela Delegada de Polícia Federal, Clarissa Costa, de Altamira (PA).

Imagem ilustrativa

terça-feira, 28 de julho de 2015

RODOVIA CURUÁ-UNA É DESINTERDITADA

APÓS PROTESTO, RODOVIA CURUÁ-UNA É DESINTERDITADA

Moradores do assentamento Corda Corda bloquearam nesta segunda-feira (27), a Rodovia Estadual Transuruará, (PA-370), que liga a cidade de Uruará a cidade de Santarém, no trecho localizado no km 12, na entrada da comunidade Estrada Nova, em Santarém, oeste do Pará.

Os manifestantes começaram a ocupar a via por volta das 10h para cobrar melhorias no acesso as comunidades e assentamentos, além do asfaltamento do trecho que vai da Hidrelétrica de Curuá-Una, até o município de Uruará.

A principal reivindicação dos agricultores é a trafegabilidade da PA 370 – continuação da Rodovia Curuá-Una, que liga Santarém ao município de Uruará, que está praticamente intragável, entre a localidade conhecida como “Castanheira” até a Ponte sobre o rio Tutui.

Os líderes do protesto afirmam que foram enganados pelo governo do Estado que afirmou que a verba para o asfaltamento da PA 370 estava liberada na Caixa Econômica, porém, o que se vê é que ao invés de asfaltar a rodovia o que ocorreu foi o total abandono, como o isolamento de diversas comunidades.

Os manifestantes mantiveram a ocupação por todo o dia desta segunda-feira e desbloquearam a via por volta das 19h após acordo com representantes do governo do Estado.

Para que houvesse o desbloqueio, foi acordado que dia  7 de agosto os moradores se reunirão com o governo para tratar dos assuntos reivindicados.

O diretor do núcleo regional da Secretaria Estadual de Transporte (Setran), Carlos Merabet, informou que há um projeto de conservação e limpeza lateral de toda extensão da PA-370, no sentido de melhorar a trafegabilidade de veículos e pedestres.

Sobre o asfaltamento do trecho que vai da Hidrelétrica de Curuá-Una até a cidade de Uruará, Merabet explicou que existe um financiamento para a ação, porém os recursos ainda não foram disponibilizados para que as obras sejam iniciadas.

sexta-feira, 24 de julho de 2015

ERALDO PIMENTA E JOSÉ PRIANTE EM AÇÃO PARLAMENTAR

DEPUTADOS ERALDO PIMENTA E JOSÉ PRIANTE DESTINAM EMENDAS PARLAMENTARES NO VALOR DE UM MILHÃO DE REAIS PARA O MUNICÍPIO DE URUARÁ A SEREM APLICADOS NA AGRICULTURA FAMILIAR

Os deputados Eraldo Pimenta (Estadual) e José Priante (Federal), ambos do PMDB, destinaram emendas ao Município de Uruará, no valor de Um Milhão de Reais para investimento na agricultura familiar.

O Deputado Federal José Priante falou que a emenda que Uruará vai receber uma Escavadeira Hidráulica. “Destinamos esta emenda no valor de R$ 500.000,00 (Quinhentos Mil Reais), para a compra de uma retro-escavadeira Hidráulica, no sentido de incentivar e fomentar a produção agropecuária na agricultura familiar, possibilitando a recuperação de áreas consolidadas, incorporando-as ao processo produtivo, através da mecanização para produção de grãos com fim de subsistência e em escala comercial, recuperação e melhoramento de pastagens para criação de gado com mais eficiência, aumentando a taxa de lotação de animais por hectare, evitando assim novas aberturas em mata nativa. Possibilitando escavação de tanques para produção de pescados, para contribuir para na renda familiar”, explicou o deputado.

O processo pode ser acompanhado pelo site do SINCOV (Portal de Convênios do Governo Federal), a emenda Parlamentar de nº 32600001 do deputado Federal José Priante.


Para complementar, o deputado Estadual Eraldo Pimenta, também destinou mais 500 Mil Reais em equipamentos agrícolas. “As emendas funcionam em parceria com o Estado. O deputado envia à secretaria de Agricultura do Estado, e, a mesma licita os equipamentos que serão entregues ao Município”, disse Eraldo Pimenta.

ASSISTÊNCIA SOCIAL

APÓS TER AJUDA NEGADA PELA ASSISTÊNCIA SOCIAL IDOSA RECEBE AJUDA DA REGIONAL E POPULAÇÃO

A moradora Elizabete Chaves, procurou a equipe do Jornal O Regional da Rádio Regional FM 91.3, e contou da triste situação em que se encontra sua mãe, dona Deuzuita.

Segundo ela, a mãe passou por uma cirurgia em Teresina. “Não temos dinheiro para comprar os remédios. Ela está usando uma sonda e não temos condições de comprar a bolsa para substituição. Estamos passando necessidade. Não tem gás, não tem comida. Já fui ao Fórum, ao CRAS, ao Hospital Municipal, fomos a Câmara de Vereadores e ninguém nos ajuda. Peço ajuda da população”, explica.

A matéria sobre a situação de dona Deuzuita (62 anos), foi veiculada nesta terça-feira (21) e, pós a veiculação da notícia, ouvintes da Rádio Regional cederam uma cesta para a idosa que mora na Rua Tiradentes, nº 80, zona Leste da cidade de Uruará. O gesto de doação foi importante.

Interessados em colaborar com a dona Deuzuita, sinta-se a vontade.

quinta-feira, 23 de julho de 2015

ERALDO PIMENTA EM DEFESA DA TRANSAMAZÔNICA E BR 163

TRANSAMAZÔNICA (BR 230) E SANTARÉM-CUIABÁ (BR 163) (OESTE DO PARÁ)

Vídeo promocional do 1º Fórum de Desenvolvimento da Transamazônica e BR 163 – Oeste do Pará.

O vídeo destaca a abertura da transamazônica (década de 70), história dos pioneiros, e, apresentado durante o “I FÓRUM DE DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO TRANSAMAZÔNICA (BR 230) E SANTARÉM-CUIABÁ (BR 163)”, com a árdua e grata missão de mirar o passado, avaliar o presente e traçar com linhas firmes e harmoniosas o cenário para futuras conquistas.

Objetivando iniciar o resgate socioambiental de uma zona tão importante para o Estado do Pará e para o Brasil, composta pelas áreas de influência da Rodovia Transamazônica – BR 230 e da Rodovia Santarém / Cuiabá - BR 163, construídas na época do regime militar para integrar o Norte brasileiro com o resto do país, e ligar a região Norte ao Centro-Oeste e Sudeste do Brasil, respectivamente.

UM VÍDEO QUE VALE A PENA ASSISTIR... BAIXAR... CURTIR... COMENTAR E COMPARTILHAR.


quarta-feira, 22 de julho de 2015

REJEIÇÃO DO GOVERNO DO PT

MAIORIA É FAVORÁVEL AO IMPEACHMENT DE DILMA

A imprensa continua tocando os bois da presidente Dilma para o tronco do impeachment.

Em meio às perguntas de praxe, sobre popularidade e aprovação de governo, a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) publicou ontem (21) pesquisa do instituto MDA, que atesta não só que a popularidade da presidente caiu além do fundo do poço, como a maioria dos brasileiros, 62,8%, é favorável ao impeachment da presidente.

Abaixo os principais números referentes:


A pesquisa também mediu o conhecimento da população sobre os desdobramentos da operação Lava Jato e o percentual de responsabilidade, na opinião dos entrevistados, da presidente Dilma e do ex-presidente Lula:


A metodologia da pesquisa não declarou o porquê dos percentuais atribuídos a Dilma e Lula somam uma grandeza superior a 100% (134,2%). Apenas observou que “os percentuais de Dilma e Lula não foram auferidos simultaneamente”, o que, a meu ver, não explica a aparente anomalia aritmética.

A pesquisa também mediu a percepção de como estaria um governo de Aécio Neves em relação ao da presidente Dilma, caso ele tivesse vencido as eleições de 2014:


A metodologia da pesquisa é criticada por comentaristas simpáticos ao governo, por especificar pontos que captam as dificuldades por que passa a presidente Dilma, fundamentando o argumento no fato de que o presidente da CNT, que encomendou a pesquisa, ser o ex-senador do PSDB Clésio Andrade, que renunciou ao mandato para escapar de processo no STF, acusado de participar do mensalão do PSDB em Minas Gerais. Clésio também foi vice-governador no primeiro mandato de Aécio Neves.

Não compactuo com a crítica, pois embora a pesquisa tenha manejado auferir pontos críticos do governo, os resultados não estão manipulados e ratificam outros resultados de pesquisas diversas já publicadas.

Uma das maneiras de encontrar saídas para a crise política que vive o governo é aceitar que ela existe e é grave.

As informações são de http://pjpontes.blogspot.com.br/

PA 370 - SERÁ INTERDITADA

POR MELHORES CONDIÇÕES DE TRÁFEGO COMUNIDADES INTERDITARÃO A PA 370

A interdição da Rodovia estadual PA 370 que liga a cidade de Uruará a cidade de Santarém, foi decidida em reunião realizada no dia 10 de julho na sede da Associação de moradores da comunidade união corta corda (ASMUCC), quando as lideranças de 25 comunidades decidiram pelo fechamento da rodovia.

O movimento é apoiado pelos sindicatos dos trabalhadores rurais de Santarém, Mojuí e Uruará. A interdição ocorrerá no km 12, na entrada da comunidade Estrada Nova, com início previsto para as 8 horas da manhã.

Segundo ofício distribuído pela ASMUCC o descaso do governo do estado em relação a recuperação (alargamento, manutenção e pontes) da Rodovia PA 370 e o não envio de representantes do governador Simão Jatene a reunião ocorrida no dia 10 de julho mesmo este sendo convidado, motivou a mobilização do protesto.

terça-feira, 21 de julho de 2015

RETRATAÇÃO

CORREÇÃO DE INFORMAÇÃO SOBRE A VINDA DE PROMOTOR EM URUARÁ

Contestando a citação de reportagem que mencionou que a vinda do Promotor de Justiça Titular para a Comarca do Município de Uruará foi possível mediante uma moção do vereador Gilmar Milanski, juntamente com articulações política do Deputado Estadual do Pará, Eraldo Pimenta, do PMDB.

A PJ de Uruará informou que “o Ministério Público é uma instituição pública autônoma e independente, não podendo ser vinculado ou te a sua atuação ligada a qualquer outra instituição política, seja ela do poder executivo ou legislativo. A vinda do atual promotor titular para a cidade de Uruará ocorreu em virtude da realização e conseqüente aprovação no XII Concurso Público de Ingresso para a Carreira do Ministério Público, concurso este realizado sob todos os ditames legais e com completa lisura, não havendo qualquer ingerência de nenhum outro órgão na sua concretização”, contestou a Promotoria de Justiça de Uruará.

O município de Uruará estava sem promotor titular desde o mês de novembro de 2013.

segunda-feira, 20 de julho de 2015

TRISTE REALIDADE EM URUARÁ

MORADORES DA RUA TANCREDO NEVES SE REUNIRAM PARA RECONSTRUIR PONTE NA ZONA SUL DA CIDADE DE URUARÁ

Moradores da Rua Tancredo Neves do bairro Baixada Fluminense se reuniram na manhã desta segunda-feira, 20, para reconstruir a ponte que fica entre a Av. Pará e Av. Central. Segundo eles, a prática no Município de Uruará de reunir a população virou rotina.

O aposentado Jenilson Messias, relata que quando sai de casa tem dificuldades para trafegar pelo local. “Isto é uma pouca vergonha para este prefeito que botaram aqui na prefeitura. Uma baixaria! Desde que o Banha entrou na Prefeitura não tem nada feito. Aqui nesta rua não tem nada. Tivemos que nos reunir para dar uma melhorada nesta ponte. A prefeitura era que devia fazer este serviço e quem está fazendo somos nós, moradores. Colocamos este prefeito para trabalhar e ele só fica viajando, tomando banho de praia e nós sofremos”, desabafou.

O senhor Antonio Abelardo contou que também sofre com o estado das ruas e na tentativa de mudar essa realidade, decidiu reconstruir a ponte em frente a sua residência. “É jeito a gente arrumar! Senão a gente não sai de casa. Não passa carro, não passa moto e nem a pé não dá pra passar mais. Procuramos a Prefeitura, a Câmara de Vereadores e ninguém faz nada. Estamos cansados com a situação. Ano que vem é ano de eleições, todos vão vir pedir votos. Estou aguardando aqui em casa”, disse.

O Raimundo Pessoa da Silva disse se não for a população, o serviço não sai. “Mais de ano. Então hoje não agüentamos mais, reunimos com os moradores para tentar minimizar este risco, pois não vemos à hora de acontecer algum acidente e até a morte. Vamos dar uma melhorada nesta ponte. Uma obra que era para o prefeito fazer. Mas este prefeito não faz nada em Uruará. Em Uruará não tem vereador não tem prefeito. Virou moda os moradores se reunirem para fazer o trabalho da Prefeitura”, relatou.

A mobilização por parte da população para resolver os problemas que são de responsabilidade do Executivo, já virou rotina em Uruará. A pergunta é: até quando?

sexta-feira, 17 de julho de 2015

URUARÁ AGORA TEM PROMOTOR TITULAR

APÓS QUASE DOIS ANOS URUARÁ VOLTA A TER PROMOTOR DE JUSTIÇA

A Comarca de Uruará recebeu na segunda-feira, 13, o promotor Titular de Justiça que atuará no Município. Trata–se do nordestino, Ariel José Guimarães Nascimento que assumiu a titularidade da PJ em Uruará.

Em entrevista, o promotor falou sobre o planejamento e as ações que o Ministério Público Fará no Município e detalhou também sobre a jornada de trabalho. “Estamos aqui agora empossados e, analisando os processos existentes, que por sinal, tem uma demanda muito grande nesta Comarca. São mais de 400 processos acumulados no gabinete. Importante é que Uruará agora tem um promotor titular. Estaremos aqui para cumprir a lei, defender a ordem jurídica, o regime democrático e principalmente os interesses sociais e individuais. Cumprir a lei”, disse. Uma das dificuldades já encontradas pela promotoria foi a ausência da defensoria pública no Município. “Já pude observar uma deficiência na defensoria pública e, uma das nossas prioridades é oficiar a Defensoria Pública Estadual para enviar um defensor para a comarca de Uruará. Uma carência para a população. O Ministério Público tem o dever de zelar pela legalidade e pelos direitos coletivos. Não pode o MPE está entrando individualmente com cada ação, isso é papel da defensoria pública”, explicou.

O promotor disse ainda que está à disposição da população. Segundo ele haverá o atendimento ao público nas terças e quartas-feiras de 09 às 13, e na segunda, quinta e sexta, com expediente interno. “Para dar celeridade aos processos” e, para facilitar o atendimento partir do próximo mês.

Ariel Guimarães é natural de Aracaju –Sergipe. A promotoria de Justiça de Uruará responde também pelo Município de Placas.

A vinda do Promotor de Justiça Titular para a Comarca do Município de Uruará foi possível mediante uma moção do vereador Gilmar Milanski, juntamente com articulações política do Deputado Estadual do Pará, Eraldo Pimenta, do PMDB.

quinta-feira, 16 de julho de 2015

URUARÁ: CRISE POLÍTICA - ADMINISTRATIVA FAZ PREFEITO 'SUMIR' DA CIDADE

EM 30 MESES DE ADMINISTRAÇÃO DA ATUAL GESTÃO MAIS DE R$ 100.000.000.00 (CEM MILHÕES) FORAM REPASSADOS PARA O MUNICÍPIO

Vivenciando um dos piores momentos de sua história, a cidade de Uruará, que é gerida pelo prefeito Everton Moreira (PDT), o Banha, o Município vem atravessando uma grande crise político-administrativa e econômica. Promessa de Campanha que os salários dos Funcionários Públicos seriam pagos até o 5º dia do mês, não está sendo cumprida, onde os funcionários da educação até nessa data de 16/07 não receberam o salário referente ou mês de junho, onde há informação que o pagamento irá sair somente no dia 20.

Ruas da cidade em estado de calamidade critica buracos e muita poeira, saúde na UTI, descaso total.

Segundo informações do site do tesouro nacional só no mês de Junho/2015, o município de Uruará recebeu R$ 4.292.068,54 e mais R$ 897.309,16 nessa quinzena de Julho totalizando R$ 5.189.377,70.
Nesses 30 meses de administração do Prefeito Everton o município de Uruará recebeu, no ano de 2013 (R$36.982.988,11); no ano 2014 (41.170.705,37); no ano de 2015 nesse 6 meses (R$ 25.954.193,94). Totalizando 30 meses R$ 104.107.887,51 (Cento e Quatro Milhões, Cento e Sete Mil, Oitocentos e Oitenta e Sete Reais e Cinquenta e Um Centavos).

Moradores do município relataram o “sumiço” do chefe do executivo da cidade. “Estamos sem prefeito. Não vemos o Banha em Uruará. Na Prefeitura ninguém sabe e passa informações do paradeiro dele”, disseram.

Com diversos prestadores de serviços e fornecedores sem receber pagamentos, a atual situação da cidade não é boa. Isso porque, sem nenhum planejamento, a população cobra mais ação do governo municipal. “Não temos as nossas solicitações atendidas. Está muito difícil. Nunca imaginei que passaríamos por uma situação calamitosa como essa. Estamos pedindo socorro”, disse um morador.

Do blog URUARÁ EM FOCO

terça-feira, 14 de julho de 2015

BANCO DO BRASIL EM URUARÁ VOLTA A FUNCIONAR EM URUARÁ

DEPOIS DE 33 DIAS FECHADO BANCO DO BRASIL VOLTA A FUNCIONAR PARCIALMENTE EM URUARÁ 

Após várias cobranças feitas pelo Departamento de Jornalismo da Rádio Regional FM 91.3, sociedade civil organizada, e, do Deputado Estadual, Eraldo Pimenta (PMDB), os caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil em Uruará voltaram a funcionar na tarde desta segunda-feira, 13 de julho, depois de ficar fechada 33 dias. No entanto, as movimentações financeiras que poderão ser feitas na agência serão apenas nos caixas eletrônicos (atendimento externo) com saque de até mil reais. Com relação ao atendimento interno na referida agência, ainda está indefinida a data de funcionamento.

Desde o dia 10 de junho de 2015, quando houve o assalto simultâneo as agências bancárias do banco do Brasil e banco da Amazônia, a agência do Banco do Brasil em Uruará não estava funcionando.

segunda-feira, 13 de julho de 2015

ERALDO PIMENTA, O ANIVERSÁRIO DO GUERREIRO

Cerca de 15 mil pessoas participaram da festa de Aniversário do Guerreiro da Transamazônica, o Deputado Estadual Eraldo Pimenta, realizada no último sábado dia 11, na cidade de Uruará. O evento aconteceu na avenida Central ao lado da Escola Angelo Debiase, com sorteios de prêmios, show gospel e as bandas Arrochanela e Forró Lance 10.

O jovem Gabriel da Silva Freitas, do bairro da Cachoeirinha foi o vencedor da moto POP 100. Segundo ele, foi grande emoção, pois sua família havia recebido apenas dois cupons (um que ficou para o pai e outro para ele).

Segundo o pai do jovem, o Sr. Rufino Freitas, parabenizou o deputado Eraldo Pimenta. “Muita emoção neste evento de aniversário do nosso deputado Eraldo Pimenta, que ele continue com esta luta em prol da população, agora nos representando na Câmara dos deputados”, disse.

Gilvaneide da Silva, mãe do ganhador Gabriel, disse que já estava com a intenção de comprar uma moto. “Agradeço a Deus por ter nos abençoado e ao deputado por esta linda festa, onde fizemos questão de sair do bairro da Cachoerinha pra vir prestigiar e comemorar o aniversário do nosso deputado. Desejo tudo de bom pra ele, e que Deus te abençoe muito Eraldo Pimenta. Uruará sente sua falta aqui como prefeito”, parabenizou.

Outra sortuda foi a dona Maria Madalena Nogueira da Rua Tancredo Neves que ganhou a bicicleta. “Foi gratificante! Fiz questão de sair de minha casa e ir prestigiar o aniversário do Guerreiro. Ele faz aniversário, e quem ganha o presente é o povo! Uruará esteve neste fim de semana em festa! E, no dia 11 de julho, é tradição. Parabéns Eraldo Pimenta”, festejou.

Ao completar seus 45 anos de idade, o povo comparece mais uma vez em peso, na festa do Guerreiro. Populares disseram. "até o clima da cidade estava diferente, o astral era de pura alegria"! Muita saúde, paz, alegria e sucesso! Que Deus o abençoe sempre e que continue trabalhando pelo Desenvolvimento dessa região e do Estado do Pará.

A equipe do Blog URUARÁ EM AÇÃO parabeniza o deputado Eraldo Pimenta.

1º FÓRUM DE DESENVOLVIMENTO DA TRANSAMAZÔNICA E BR 163

COM PRESENÇA DE MINISTRO, 1º FÓRUM DE DESENVOLVIMENTO DA TRANSAMAZÔNICA E BR 163 É REALIZADO EM URUARÁ

Na tarde deste sábado, 11 de julho de 2015, em um acontecimento histórico foi realizado o I Fórum de Desenvolvimento da Transamazônica e BR 163. Idealizado e coordenado pelo Deputado Estadual, Eraldo Pimenta (PMDB), o Fórum reuniu cerca de 500 pessoas no Clube SOCRECA (localizado no Bairro Vila Brasil, zona norte da cidade de Uruará) e contou com a presença do Ministro da Pesca e Aqüicultura, Helder Barbalho.

Também estiveram presentes os Deputados Estaduais, Iran Lima, Soldado Técio, Sidney Rosa, Antônio Tonheiro e Hilton Aguiar, representante do DNIT, Marcelo Caldeira, representante da Sespa, Cezar Augusto, representante da Polícia Militar, Major Wagner, presidente da Câmara de Vereadores de Uruará, Gedeon Moreira e representante do Banco da Amazônia, Carlos Henrique, autoridades que compuseram a mesa de debate. Também se fizeram presente autoridades de outros municípios como Rurópolis, Medicilândia e Jacareacanga.

O evento teve como finalidade iniciar o resgate socioambiental de uma zona tão importante para o Estado do Pará e para o Brasil, composta pelas áreas de influência da Rodovia Transamazônica - BR 230 e da Rodovia Santarém Cuiabá - BR 163. O Fórum lançado no município de Uruará em 11 de julho de 2015 se estenderá em plenárias microrregionais, sendo a primeira plenária no Município de Altamira, no dia 11 de agosto de 2015; a segunda plenária no Município de Rurópolis, no dia 11 de setembro de 2015; a terceira plenária no Município de Itaituba, no dia 11 de outubro de 2015, sendo a quarta plenária no Município de Santarém, no dia 11 de novembro de 2015.

Uma carta com as demandas prioritárias ansiadas pelo povo da região deverá ser elaborada para que possa ser debatida na Assembléia Legislativa do Estado e posteriormente tais reivindicações a serem atendidas.

Foram abordadas questões como o asfaltamento da PA 370, a ampliação do ensino médio em Uruará e região com a construção de mais escolas, investimentos em segurança pública e asfalto das ruas de Uruará.

O Ministro da Pesca e Aquicultura, Helder Barbalho, em seu discurso mencionou a possibilidade de imediatamente o município de Uruará triplicar a sua produção de peixe em cativeiro, passando das 500 toneladas por ano para 1.500 toneladas por ano, isto devido o potencial que o município apresenta, ele ainda mencionou que o seu ministério liberou 2 bilhões de reais para o setor, o ministro citou ainda a aquisição de um caminhão frigorífico para beneficiar o pescado da região.

“O ministério está a disposição e a orientação é poder atender a esta região, fazer com que haja o incentivo para a atividade do campo, seja os projetos de assentamento, seja com a agricultura familiar, também a grande produção de grãos, também de pecuária possa diversificar as suas atividades de cultivo inserindo o cultivo de peixe, a piscicultura. Nós acreditamos muito nessa região, estamos dispostos a ajudar a qualificação técnica com o apoiamento com o fomento através do plano safra 2015/2016 com 2 milhões de crédito para pequenos, médios e grandes produtores, também na infraestrutura para esta região. Nós desejamos poder fazer com que a região oeste do Pará, a região da Transamazônica e da BR 163, possam ter na atividade da piscicultura um fortalecimento que gere emprego, renda e acima de tudo é garantir oferta de pescado nas mesas das pessoas a um preço acessível para um bom consumo dessa proteína de qualidade. O ministério tem condições para viabilizar máquinas para fazer tanques escavados, tem condições de viabilizar centros de alevinagens, tem condições de mandar técnicos pra cá pra qualificar desde o pequeno produtor, os trabalhadores da piscicultura como também os grandes latifundiários para que se convençam da viabilidade da atividade. Fomentar através do plano safra a implantação de fábrica de ração, fábricas que possam produzir utensílios utilizados na piscicultura”, disse Helder em entrevista após sua participação no Fórum.

O I Fórum de Desenvolvimento da Transamazônica e BR 163 foi encerrado com o discurso de seu idealizador Deputado Estadual Eraldo Pimenta.

terça-feira, 7 de julho de 2015

IGREJA ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA

PASTOR ERTON REELEITO PRESIDENTE DA IGREJA NA AMÉRICA DO SUL
  
San Antonio, EUA … [ASN] A Comissão de Nomeações mundial fez a proposta e a maioria dos delegados aprovou o nome dos novos presidentes das 13 divisões que fazem parte da Associação Geral da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Na Divisão Sul-Americana, que coordena a denominação em oito países e possui cerca de 2 milhões e 300 mil membros, o pastor Erton Köhler foi nomeado como presidente por mais cinco anos.

TRAJETÓRIA

Köhler preside a Igreja na região desde 2006, quando assumiu em lugar do então presidente Ruy Nagel (falecido recentemente). Nascido no sul do Brasil, na cidade de Caxias do Sul, tem hoje 47 anos. O presidente reeleito da Igreja Adventista em oito países sul-americanos faz parte da terceira geração de obreiros de sua família. É formado em Teologia pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo – UNASP (1989) e possui mestrado em Teologia Pastoral pela mesma instituição. Foi pastor distrital em São Paulo, de 1990 a 1994. Liderou o Ministério Jovem na Associação Sul-Riograndense de 1995 a 1998. De 1998 a 2002, foi líder do Ministério Jovem na União Nordeste Brasileira. Ainda no segundo semestre de 2002 foi secretário na Associação Sul-Riograndense. Em 2003, foi transferido para a Divisão Sul-Americana como líder do Ministério Jovem. Ficou nesta função até o final de 2006. É casado com Adriene Marques Köhler, enfermeira, e tem dois filhos, Matheus e Mariana.

SONHOS PARA NOVAS GERAÇÕES

Em entrevista para a Revista Adventista, que deve ser publicada no mês de agosto, Köhler falou de seus sonhos para o futuro. Seu desejo como administrador da Igreja, sintetizado em uma expressão, consiste em fortalecer a ideia de uma igreja mais relevante, tanto para a comunidade quanto para os membros, o que inclui as novas gerações a partir dos próximos anos. “Só que eu sei que essa relevância não acontecerá apenas por conta da força institucional. Nós precisamos ser mais fortes espiritualmente para que a Igreja seja realmente relevante para o mundo. E então veremos Jesus voltar”, comenta. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

Os presidentes de Divisão nomeados são:

Divisão Centro-Leste Africana – Blasious Ruguri
Divisão Euro Asiática – Michael Kaminskiy
Divisão Interamericana – Israel Leito
Divisão Intereuropeia – Mario Brito
Divisão Norte Americana – Daniel Jackson
Divisão Norte Ásia Pacífico – Jairyong Lee
Divisão Sul do Pacífico – Glenn Townsend
Divisão Sudoeste Asiática – Ezras Lakra
Divisão Trans Europeia – Raafat Kamal
Divisão Sul Ásia Pacífico – Leonard Asoy
Divisão Sul África Oceano Índico – Paul Ratsara
Divisão Centro-Oeste da África – Elie Weik

quinta-feira, 2 de julho de 2015

ASSALTO ÀS AGÊNCIAS BANCÁRIAS EM URUARÁ: RESULTADOS

INDEFINIÇÃO NA REABERTURA DO BANCO DO BRASIL PROVOCA SUPERLOTAÇÃO NOS CORREIOS DE URUARÁ

A população de Uruará está revoltada com a Agência do Banco do Brasil. Todos os dias, segundo os clientes, como é o caso do senhor Francisco das Chagas da Silva, morador do bairro da Vila Brasil a informação de que a agência volte a funcionar e quando chegam à agência a história é a mesma. “Está fechada! A informação é de que vai abrir e não abre. Sentimos-nos prejudicados! Ficamos desorientados. As faturas vencidas. Queremos sacar ou depositar, fazer alguma movimentação financeira e, não conseguimos”, disse.

Com isso, a única solução é recorrer o atendimento via correios, onde a agência de Uruará tem ficado sobrecarregada, e não tem como atender a todos.

Nesta quarta-feira, 01, dezenas de clientes e usuários se revoltaram enfrente a agência dos Correios, como foi o caso do senhor Raimundo Silva. “Como cidadãos de bem que pagamos nossos impostos não precisamos passar por uma situação desta. São mães com crianças no colo. Deficientes e idosos querendo receber seus benefícios e, a agência do Banco do Brasil não abre. Somos obrigados a vir aqui nos Correios e o atendimento aqui é limitado. Espero que o Poder Público tome uma atitude urgente”, desabafou.

A dona Rute do Bairro Pimentolândia disse que é não agüenta mais esta situação. “Sou uma senhora de 60 anos e tenho que vir aqui pra receber meu benefício. Ao chegar aqui no Centro, o Banco do Brasil fechado. Nem tem previsão de abrir. Na agência do Correios não tem como fazer o saque. Estou com minha família passando fome”, citou.

Dona Maria Lucia falou que falta o alimenta em casa, por não ter como receber e sacar seu dinheiro. “Assaltam o banco e quem paga o preço é a população. Lá em casa, não tem alimento”, relata.
A dona Margarida Rodrigues disse que não resolveu seu problema. “Aqui em Uruará estamos passando uma situação bem triste. Estou vindo aqui desde segunda-feira, e, hoje, segundo os funcionários, não vai ter como liberar o dinheiro. Vou ter que voltar pra casa de novo e vir amanhã (quinta-feira, 02). Até quando vamos ter que viver nesta situação? Cadê as autoridades deste Município? Quando o Banco do Brasil vai abrir?”, questiona.

O portador de Deficiência Joaquim Pinto Mota foi pra casa sem receber seu benefício como disse sua esposa Marilsa Lopes. “A funcionária da agência do Correios disse que não podemos tirar o recurso de seu benefício. O pessoal do Banco do Brasil fica dizendo todos os dias que vai abrir e nunca abre a agência. Vamos ter que ir a Medicilândia tirar o dinheiro. Uma pessoa já é deficiente e tem que passar por estes constrangimentos, pois nenhuma autoridade toma atitude aqui em Uruará”, disse.

O Agricultor Célio Luiz Damasceno, que veio do km 175 disse que demorou mais conseguiu resolver parte de seu problema. “Demorei, mas resolvi parte do meu problema. O problema é que tenho que voltar aqui de novo a semana que vem”, falou.

Desde o dia 10 de junho de 2015, quando houve o assalto simultâneo as agências bancárias do banco do Brasil e banco da Amazônia, o atendimento na agência dos Correios da cidade de Uruará tem ficado sobrecarregado. A grande procura gera superlotação e a até mudou o horário de atendimento.

Com a indefinição de quando a agência do banco do Brasil voltará a funcionar, o acúmulo de pessoas a espera por atendimento nos Correios continuará ocorrendo.

A população não pode ser penalizada por causa da interferência criminosa na agência bancária. Uma solução urgente tem que ser encontrada para interromper essa penalização descabida e refutável imposta aos cidadãos de bem do nosso município.

URUARÁ - ZONA RURAL DESAMPARADA PELA ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL

PONTE PROVISÓRIA FEITA POR AGRICULTORES É COLOCADA SOBRE O RIO URUARÁ PARA DAR PASSAGEM A MORADORES

Os moradores das vicinais 147, 155, 160 e 165 todas do lado Sul da Transamazônica, estão a 106 dias sem a ponte sobre o rio Uruará, que desabou no dia 15 de março deste ano.

Após inúmeras cobranças por parte da população, e cansados de esperar pelas promessas da Prefeitura a própria comunidade resolveu fazer uma passagem (pinguela) provisória.

O agricultor José Nilson Correia da Silva, conhecido com JX do km 160 Sul falou que foi uma pequena ponte mas, que vai beneficiar centenas de famílias. “todos fomos prejudicados com a queda da ponte do km 165 sul. Estamos há três meses nesta situação e aguardando a prefeitura fazer a ponte. Infelizmente, não fizeram e, se não fosse uma iniciativa da própria comunidade, os próprios agricultores, estaríamos ainda vendo ‘navios’. O prefeito deixa a desejar, só prometeu e não cumpriu. Nem na cidade mora”, disse.

Segundo ele, a construção da ponte provisória vai ajudar muito. ”Com a construção, deixamos de pagar pedágio. Era 3, 5, 10 a 20 reais, dependendo da carga. Às vezes não tínhamos dinheiro”, relatou.

José Nilson disse que são várias famílias sofrendo. “Faltamos chorar. Quando vemos esta cidade do jeito que está, jogada aos urubus. Os urubus tomaram conta. Uruará está parado. Não tem administração!”, desabafou.

O agricultor cobrou mais empenho da Câmara de Vereadores. “E cadê os vereadores? São quatro vereadores contra o prefeito e, os demais todos a favor. A impressão que temos é de que foram comprados. Pelo amor de Deus, amigos vereadores, vamos trabalhar em prol do povo de Uruará. Vamos fazer projetos em benefícios da sociedade. O colono não tem apoio dos vereadores”, afirmou. 

O agricultor disse que não viu nenhuma mudança, tão propagada pela atual gestão municipal. “Mudou! O prefeito mudou para Santarém, porque aqui em Uruará ninguém vê este homem. Se vamos para a Prefeitura não vemos o prefeito lá, e a cidade fica a ver navios, e vamos reclamar pra quem? Aqui nem mar tem”, afirmou.

Não há previsão de construção da ponte. Até quando os moradores terão que esperar pelas ações do Executivo de Uruará? Até quando os moradores terão que se reunir par a fazer as ações que é de responsabilidade do Executivo? Até quando a população ficará a mercê de uma gestão que não se preocupa com os problemas do Povo? Até quando o povo ficará a mercê das obras eleitoreiras?

Acontece que a gestão faz o que quer, as autoridades competentes fingem que não vê o que está acontecendo, nós nos calamos. E tudo fica por isso mesmo?

terça-feira, 30 de junho de 2015

MISS PARÁ 2015 TERÁ CONCORRENTE DE URUARÁ

PELA PRIMEIRA VEZ URUARÁ TERÁ REPRESENTANTE NO MISS PARÁ

O Miss Pará 2015 será a 60ª edição do tradicional concurso de beleza feminino que seleciona a melhor paraense para que esta dispute o título de Miss Brasil. E esta será a primeira vez que o município de Uruará (município da Transamazônica) terá uma representante. O concurso ocorrerá no dia 24 de julho de 2015 e será realizado no Hangar Centro de Convenções da Amazônia em Belém.

A representante uruaraense será a estudante de Ciências Contábeis, Mayrla Sindhel da Luz Moura, 21 anos, que é uruaraense de nascimento. Filha do agricultor Alberto Sales de Moura e da empresária Cláudia Maria da Luz Lima.

Mayrla cedeu entrevista ao jornalista Joabe Reis da Rádio Regional FM 91.3 de Uruará e falou sobre a sua decisão de representar o município no concurso. Veja a entrevista:

Regional: Qual é o sentimento de representar Uruará?
O meu sentimento por Uruará é um sentimento de Amor. Nasci e fui criada nesse município, e é um grande prazer poder representar as mulheres lindas que aqui tem. Eu vou dar o meu melhor, pois com certeza Uruará é a minha terra e eu tenho orgulho de ser Uruaraense.

Regional: Quais são seus objetivos?
Mayrla: Então meus objetivos ... é aonde eu estiver sempre fazer o melhor.

Regional: Do que a Mayrla gosta?
Mayrla: Eu gosto de ler, livros românticos, livro de auto-ajuda...

Regional: Como você se define?
Mayrla: Sou uma pessoa extremamente divertida, carismática. Tenho muita facilidade de interagir com as pessoas. Confesso que as vezes sou um pouco tímida.

Regional: O que te motivou a participar do concurso? Como isso aconteceu?
Mayrla: Tudo começou com uma marcação nas redes sociais e as pessoas começaram a me incentivar dizendo que eu tinha que representar o município. Então a coordenadora geral do oeste do Pará me encontrou e me vez o convite que demorei um pouco para responder, mas decidi por representar a minha terra querida.

Por sua beleza e carisma a representante uruaraense tem grandes chances de ser coroada Miss Pará 2015. Os cerca de 50 mil habitantes do município estarão na torcida para ver e ter uma uruaraense concorrendo no Miss Brasil 2015.
Estamos com você Mayrla Moura.

Ficha da candidata uruaraense:

Nascimento: 07/04/1994
Signo: Áries
Altura: 1,79
Filiação: Cláudia Maria da Luz Lima e Alberto Sales de Moura.
Escolaridade: Estudante do curso de ciências contábeis pela Faeco
Naturalidade: Uruará (PA)
Veste: Le Finesse

Por: Joabe Reis

sexta-feira, 26 de junho de 2015

URUARÁ TERÁ PROMOTOR TITULAR

URUARÁ SERÁ CONTEMPLADO COM PROMOTOR DE JUSTIÇA TITULAR A PARTIR DESTE MÊS DE JULHO

Recebemos com exclusividade a notícia da vinda de um promotor Público Titular para a Comarca de Uruará. As informações são de MARCOS ANTÔNIO FERREIRA DAS NEVES - Procurador Geral de Justiça, com EXCLUSIVIDADE a equipe de Jornalismo da RÁDIO REGIONAL FM 91.3 (http://www.regionalfmuruara.com.br/)

O Procurador-Geral de Justiça do Estado do Pará comunica aos aprovados no XII concurso de ingresso na carreira do Ministério Público e nomeados, que está publicado no Diário Oficial do Estado nº 32914, de 25/6/2015, edital de convocação para opção para lotação em qualquer dos cargos ofertados.

Os cargos disponíveis podem ser consultados no site:
http://www.mppa.mp.br/…/MINISTeRIO%20PuBLICO%20DO%20ESTADO%…

Veja Também a publicação no Diário Oficial do Estado nº 32914

ERALDO PIMENTA EM AÇÃO - DEPUTADO EM BUSCA DE INVESTIMENTOS PARA A REGIÃO

DEPUTADO ERALDO PIMENTA REVINDICA AEROPORTOS PARA MUNICÍPIOS DA REGIÃO OESTE DO PARÁ E ALDEIAS INDÍGENAS

O deputado Estadual do Pará, Eraldo Pimenta (PMDB), se reuniu em Brasília, com Guilherme Ramalho, secretário executivo da Secretaria de Aviação Civil, reivindicando Aeroportos para região e homologações mais desburocratizadas ao Oeste do Pará, br 230, Br 163 e Baixo Amazonas, por se tratar de uma área enorme em extensão territorial e distancia entre um município e outro.

Segundo o Deputado Eraldo Pimenta, é necessário promover estudos de viabilidade para construção de várias pistas de pouso, inclusive licenciamento de pistas particulares, aeródromos e regularização de pistas, também em área indígenas.

Segundo o deputado, o município de Uruará tem uma necessidade particular que por ser pólo, já deveria ter um aeroporto com linhas comerciais diárias.

Eraldo cobrou agilidade na condução do processo de que visa o licenciamento do aeroporto em Uruará, haja vista que desde 2011 a área do Aeroporto já está disponível, sendo conseguida com a colaboração do Dr. Luiz Lazeres, Prefeitura de Uruará e empresários do Município.

Na época, segundo o deputado, foi iniciado o processo de viabilização por parte da Prefeitura quando ele ainda era prefeito, mas o processo não evoluiu, porque depende do governo federal.

Eraldo disse que as negociações para a implantação de aeroportos nos municípios desta região e aldeias indígenas fica mais fácil de ser viabilizada.  Segundo o deputado Eraldo Pimenta, o fato de o Ministro da Aviação Civil, Elizeu Padilha ser do PMDB pode facilitar a construção de aeroportos na região. 

quarta-feira, 24 de junho de 2015

ERALDO PIMENTA EM AÇÃO - REUNIÃO NO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES

DEPUTADO ESTADUAL DO PARÁ ERALDO PIMENTA (PMDB), COBRA DO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES MELHORIAS NAS QUESTÕES DE TELEFONIAS MÓVEIS E FUNCIONAMENTO DO PROGRAMA CIDADES DIGITAIS

O Deputado Estadual Eraldo Pimenta (PMDB), se reuniu nesta quarta-feira (24) no Ministério das Comunicações, em Brasília – DF, cobrando as questões das telefonias móveis e o programa Cidades Digitais que há anos o Município de Uruará foi contemplado com Pontos de Atendimentos (computação) em repartições públicas e Praças da Cidade.

Durante a reunião, o deputado Eraldo falou com o secretário Executivo do Ministério das Comunicações, Luiz Azevedo e Emiliano José, secretário de serviços de Comunicação Eletro. “Fiquei muito feliz, pois durante a reunião, o município de Uruará foi muito elogiado, pois apenas nove municípios foram contemplados com o Cidade Digital em 2010, na época de minha gestão”, disse o deputado Estadual.

Das cidades instaladas foram, Marituba, Conceição do Araguaia, Curuçá, Goianésia do Pará, Tucuruí, Paragominas, Trairão, Itaituba e Uruará

Os pontos que estão funcionando e devem ser gratuitos para a população são: Prefeitura de Uruará, Delegacia de Policia Civil, Fórum, Detran, SEFA, Adepará, Ceplac, Emater, Secretaria de Saúde, Hospital Municipal, Posto de Saúde do Morumbi, Farmácia Popular, Escola Melvin Jones, Escola Ângelo Debiasi, Escola Francisca Lima, Escola Antonio Roque Lopes, IEU, Creche Janelinha do Saber, Sede da SEMAPA - Demutran, SEMMA, CRAS e o Mini-Cras.

Já os Pontos às proximidades da Escola Antonio Roque Lopes, a Praça da Bíblia e da Francisca Lima já deveriam estar em funcionamento. Foi uma das cobranças do deputado Eraldo Pimenta para que se funcione o mais urgente possível. “Estes pontos de internet do Cidade Digital, deveriam estar funcionando para o público. É gratuito! E, assim como os demais pontos, foi uma conquista de minha gestão quando prefeito de Uruará. Volto aqui a Brasília e estou cobrando no Ministério das Comunicações, o por quê ainda não estão em funcionamento nas praças públicas em Uruará”, disse Eraldo Pimenta.

URUARÁ - AGENCIAS DEVE ABRIR CAIXA ELETRÔNICO APÓS ASSALTO

APÓS ASSALTO, CAIXAS ELETRÔNICOS DEVEM VOLTAR A FUNCIONAR HOJE, NO BANCO DO BRASIL DE URUARÁ

14 dias após o assalto ocorrido às agências do Banco do Brasil e Banco da Amazônia na cidade de Uruará, o atendimento nos Caixas eletrônicos da Agência do Banco do Brasil deve iniciar na tarde desta quarta-feira (24) ou a partir de desta quinta-feira, 25 de junho, segundo apurou a reportagem. Com relação ao atendimento interno na referida agência ainda está sem data definida.

O atendimento nos caixas eletrônicos do banco da Amazônia está funcionando normalmente. A agência deve começar com o atendimento interno a partir do dia 13 de julho.

As duas agências foram assaltadas simultaneamente por bando fortemente armado na tarde do dia 10 de junho de 2015.

ERALDO PIMENTA EM AÇÃO - DEPUTADO EM BRASÍLIA

DEPUTADO ERALDO PIMENTA DISCUTE COM MINISTROS EM BRASÍLIA SOBRE O ASFALTO DA TRANSAMAZÔNICA, CACHOEIRA SECA, LUZ PARA TODOS E SEGURANÇA PÚBLICA PARA URUARÁ E REGIÃO

Atendendo ao convite da Assembleia Legislativa do Pará (ALEPA), o Deputado Estadual do Pará, Eraldo Pimenta (PMDB), está em Brasília para cobrar do Governo Federal, melhorias para a região Oeste do Pará.

Em audiência nesta terça-feira (23), o parlamentar se reuniu com o Presidente da Funai, João Pedro; o Ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso e Eduardo Braga, Ministro  das Minas e Energia.

O deputado Eraldo Pimenta, cobrou celeridade das licenças para a pavimentação das BR 230 - Transamazônica e BR 163.

Com o presidente da FUNAI falou sobre as questões indígenas, e a problemática da Reserva Indígena Cachoeira Seca.  “Alertei para o caos social que poderá ter, casa não aja a demarcação. Nossa proposta é que demarquem as terras para os índios do Igarapé Olhões para cima, ou seja, para a região da terra do meio, lá tem terra não habitada, não antropizada e áreas ainda não alteradas e assim, garanta a permanência das centenas de famílias que residem naquela área há mais de quatro décadas”, disse.

Outra reivindicação do Deputado Eraldo Pimenta, foi investimentos para a Segurança Pública na Região. “Cobrei do Ministério da Justiça aparelhamento para as Policias Civis e Militares e a implantação de pontos da polícia Rodoviária Federal ao longo das Rodovias Transamazônica e BR 163 e reforço da Polícia Federal para a região Oeste do Pará”, cobrou.

Eraldo também, cobrou celeridade no Programa Luz para Todos, onde tem muitas vicinais que ainda não foram atendidas.

Pesquisar este blog

Carregando...